Cidade de São Paulo tem alta no número de latrocínios em 2009.

  Na Capital do Estado de São Paulo, dados da Secretaria da Segurança Pública, mostram que os rombos seguidos por morte (latrocínio) em 2009 aumentaram 44,9% em relação á 2008. Foram registrados 8 casos por mês.

É o segundo aumento consecutivo desse tipo de crime na capital paulista, após a redução que ocorria desde 1999. No Estado foram 267 casos em 2008 e 304 em 2009, quase 14% a mais.

Este crescimento está ligado ao recorde em número de assaltos (257 mil ocorrências em 2009) e nem especialistas e nem a própria Secretaria de Segurança Pública sabem o por quê.

Nos 28 municípios que formam a Grande São Paulo, o maior aumento foi no número de seqüestro (11 casos em 2008 e 23 em 2009, alta de 109%). Especialistas afirmam que tal mudança pode estar em função da migração dos criminosos que antes praticavam outros tipos de delitos.

Também o número de roubos de veículos aumentou em 2009 no Estado de São Paulo. A Secretaria da Segurança Pública registrou 177.183 casos contra 159.199 em 2008. Este tipo de crime segue a tendência dos demais indicadores de violência no Estado, que também voltaram a crescer no ano passado.


APEV - Associação pela Paz e Estudos da Violência
Endereço: Rua Itacolomi, 333
Conj. 61/64 - São Paulo/SP